EU, ÁLVARO DE CAMPOS


Companhia de Arte
Dias 26 de setembro, 03,10 e 17 de outubro de 2013
Quintas-feiras, às 18h30.
ENTRADA FRANCA

Foto de Julio Lhenardi

Alguns dos mais conhecidos poemas deste heterônimo de Fernando Pessoa, tem como fio condutor o poema ?Grandes? que é, por vezes, permeado por outros, e por fragmentos de alguns poemas. E também, três canções (poemas musicados do autor), são executadas em cena pelo ator.
Não se trata de recital (declamação), mas os poemas transformados em texto dramático, interpretado durante 45 minutos, como uma história com começo, meio e fim. Não há nenhuma palavra que não seja do Álvaro de Campos/Fernando Pessoa.

Direção Musical e Trilha Sonora: Marcelo Schultes                                 
Sonoplastia e Iluminação: Catarino Grosser                                             
Figurinos e cenografia: J. Alceu e Allex Manzônia                                     
Direção: Gabriel Motta                                    
Dramaturgia, concepção cênia e atuação: Julio Lhenardi

Anúncios

Um comentário em “EU, ÁLVARO DE CAMPOS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s