Programação Teatral de Fevereiro


No mês do carnaval o teatro gaúcho pede passagem. O Porto Verão Alegre segue firme e forte com várias atrações na reta final do festival que completa 17 anos em 2016.

Confira abaixo tudo que vai rolar nos teatros municipais no mês da folia:

 

Dia 03

Histórias de um Cara Suado - Divulgação

Histórias de um Cara Suado – Divulgação

Histórias de um Cara Suado

Sala Álvaro Moreyra, às 21h

Solo de comédia que reúne histórias vividas pelo ator Lucas Sampaio, integrante da série Coisas Que Porto Alegre Fala e apresentador do canal de televisão Octo. Sem cenário, trilha sonora improvisada, muito suor, e convidados especiais.

Participe do evento Histórias de um Cara Suado no Facebook!

 

Dia 04

 

Histórias de um Cara Suado

Sala Álvaro Moreyra, às 21h

Solo de comédia que reúne histórias vividas pelo ator Lucas Sampaio, integrante da série Coisas Que Porto Alegre Fala e apresentador do canal de televisão Octo. Sem cenário, trilha sonora improvisada, muito suor, e convidados especiais.

Participe do evento Histórias de um Cara Suado no Facebook!

 

Dia 05

O que os homens pensam que as mulheres pensam - Foto Laércio Lacerda

O que os homens pensam que as mulheres pensam – Foto Laércio Lacerda

O que os Homens pensam que as Mulheres pensam

Teatro Renascença, às 21h

Três homens e uma travesti ficam trancados dentro de um banheiro público onde discutem o universo feminino. Um deles pretende se encontrar com uma possível namorada e vê em Pety, a travesti, a possibilidade de conhecer melhor os gostos e o comportamento feminino. Assim, os quatro encenam diversas situações e tipos diferentes de mulheres dando ênfase para os desejos e o pensamento feminino.

Participe do evento O que os Homens pensam que as Mulheres pensam no Facebook!

 

Dia 06

O que os Homens pensam que as Mulheres pensam

Teatro Renascença, às 21h

Três homens e uma travesti ficam trancados dentro de um banheiro público onde discutem o universo feminino. Um deles pretende se encontrar com uma possível namorada e vê em Pety, a travesti, a possibilidade de conhecer melhor os gostos e o comportamento feminino. Assim, os quatro encenam diversas situações e tipos diferentes de mulheres dando ênfase para os desejos e o pensamento feminino.

Participe do evento O que os Homens pensam que as Mulheres pensam no Facebook!

Dia 07

O que os Homens pensam que as Mulheres pensam

Teatro Renascença, às 21h

Três homens e uma travesti ficam trancados dentro de um banheiro público onde discutem o universo feminino. Um deles pretende se encontrar com uma possível namorada e vê em Pety, a travesti, a possibilidade de conhecer melhor os gostos e o comportamento feminino. Assim, os quatro encenam diversas situações e tipos diferentes de mulheres dando ênfase para os desejos e o pensamento feminino.

Participe do evento O que os Homens pensam que as Mulheres pensam no Facebook!

Dia 10

EU - Foto Gilberto Perin

EU – Foto Gilberto Perin

Eu

Sala Álvaro Moreyra, às 21h

O tema “desamparo” norteia o solo “Eu” e abre espaço para estabelecer um diálogo trágico/cômico com o público. Tendo como referência o teatro pós dramático, mistura literatura, fragmentos de peças, cartas, biografias, fotografias, memórias, poemas, causos. Joga-se no liquidificador e o suco que sai é o espetáculo.

 

Dia 11

Eu

Sala Álvaro Moreyra, às 21h

O tema “desamparo” norteia o solo “Eu” e abre espaço para estabelecer um diálogo trágico/cômico com o público. Tendo como referência o teatro pós dramático, mistura literatura, fragmentos de peças, cartas, biografias, fotografias, memórias, poemas, causos. Joga-se no liquidificador e o suco que sai é o espetáculo.

 

Dia 12

Eu

Sala Álvaro Moreyra, às 21h

O tema “desamparo” norteia o solo “Eu” e abre espaço para estabelecer um diálogo trágico/cômico com o público. Tendo como referência o teatro pós dramático, mistura literatura, fragmentos de peças, cartas, biografias, fotografias, memórias, poemas, causos. Joga-se no liquidificador e o suco que sai é o espetáculo.

 

Dia 13 

O Monstro dos Olhos Verdes - Foto Vilmar Carvalho

O Monstro dos Olhos Verdes – Foto Vilmar Carvalho

O Monstro de Olhos Verdes 

Sala Álvaro Moreyra, às 21h

Escrito por Walmir Ayala, a história é ambientada em uma praça pública, onde um casal de namorados vive um feliz romance, como dois “pombinhos”, enquanto, neste mesmo lugar, um jovem assassino refugia-se da polícia e uma estátua cria vida e se manifesta, contando a história de Branca de Neve, com detalhes de terror e loucura. O espetáculo é definido pelo diretor Camilo de Lélis como um fábula para adultos.

Visite a página O Monstro de Olhos Verdes no Facebook!

 

Dia 14

O Monstro de Olhos Verdes 

Sala Álvaro Moreyra, às 21h

Escrito por Walmir Ayala, a história é ambientada em uma praça pública, onde um casal de namorados vive um feliz romance, como dois “pombinhos”, enquanto, neste mesmo lugar, um jovem assassino refugia-se da polícia e uma estátua cria vida e se manifesta, contando a história de Branca de Neve, com detalhes de terror e loucura. O espetáculo é definido pelo diretor Camilo de Lélis como um fábula para adultos.

Visite a página O Monstro de Olhos Verdes no Facebook!

 

Confira a programação completa, venda de ingresso antecipada e demais informações no site www.portoveraoalegre.com.br!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s