PETER BROOK


Ícone do teatro contemporâneo, um dos diretores mais influentes, sendo considerado uma lenda do século 20, morreu no sábado, 2 de julho, aos 97 anos. O artista foi responsável por revolucionar a arte da direção sendo o teórico do “espaço vazio”, método muito utilizado no universo do teatro, publicado pela primeira vez em 1968.

“Posso pegar qualquer espaço vazio e chamá-lo de palco. Alguém atravessa esse espaço vazio enquanto outro assiste, e isso é o suficiente para começar o ato teatral”: essas palavras de Brook tornaram-se uma espécie de “manifesto” para a teoria que deu origem a uma nova forma de fazer teatro, única de sua própria existência.

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: